Dicas para fazer uma transmissão ao vivo

Com o aumento de tempo livre e o exílio social, é cada vez mais cediço nos depararmos com uma radiocomunicação ao vivo seja live  no Instagram, YouTube, Twitter ou Facebook. No entanto, nem sempre sabemos como usar esse recurso direito, apenas ligamos a câmera e colocamos no modo de contágio ao vivo e pronto. Agora, é começar a conversar com os participantes e fazer a gravação. Porém, antes de aproveitar essa onda de lives, é preciso deixar o improviso de lado. Afinal de contas, para se destacar das outras pessoas/empresas, o conteúdo precisa ter qualidade.

Roteiro

 O primeiro passo para uma live de faculdade é saber o que você irá falar. Por exemplo, se a intenção é informar sobre como anda uma topografia urbana para uma plateia de arquitetos e engenheiros, é necessário elaborar um princípio para não esquecer de nenhum detalhe importante durante a transmissão. Também é preciso definir a causa pela qual você decidiu criar esse conteúdo. Seja para anunciar uma consequência, responder perguntas da audiência, fomentar debates, ou desdobrar-se um show, é importante saber o objetivo da comunicação ao vivo. Dessa forma, até mesmo durante a divulgação, a assistência fica ciente do conteúdo e já sabe o que adivinhar da sua live.

Escolha um bom horário

O sucesso da sua divulgação ao vivo depende, é claro, da presença do manifesto. Por esse motivo, precisamos escolher um horário em que os nossos seguidores estejam online, para que eles possam acompanhar o conteúdo.

Para descobrir o horário ideal, você pode cavalgar uma enquete, ou então, seguir as métricas disponíveis nas próprias redes sociais, verificando quais são os dias e horários de maior acesso no sua perfil. Não esqueça de uma coisa: cuidado com as horas de maior tráfego na redes! O Instagram, por exemplo, tem um grande número de lives às 19h, e isso pode aluir a qualidade da sua radiocomunicação, pois a própria eirado fica sobrecarregada. Por isso, a ideal é aliar uma hora confortável para a audiência, mas que também não prejudique a conectividade da seu live.

Qualidade de som e imagem

Não é preciso ter abastecimentos profissionais para alcançar uma boa qualidade de som e imagem. Mas é preciso que o sua celular garanta um áudio sem interferências e uma imagem nítida. Para quem vai usar o celulado, a dica é escolher pelo uso dos fones de ouvido. Dessa calca, é possível captar melhor a voz do apresentador e diminuir os ruídos externos. Faça testes para selar a qualidade de som e espetro, antes de iniciar o live.

Cenário

Além do som e da ideia, o cenário é outro aspecto muito importante para o acontecido da sua transmissão à alma. Por isso, antes de começar, certifique-se que o espaço possui uma iluminação adequada e que não há alvos ao redor que possam poluir o visual. No caso de contágios mais longas, a recomendável é ter um tripé ou um suporte para apoiar o celular, para que a live não fique tremida. Ao montar o cenário, lembre-se de colocar artigos ilustrativos e que tenham relação com o conteúdo abordado. Por exemplo, em um contágio no YouTube, você pode amostrar uma placa com gravação a laser em frasco mostrando a quantidade de escola, ou de algumas alvíssaras que você ganhou como autor de conteúdo.

Divulgue com antecedência

A live precisa ser divulgada com antecedência, para que o manifesto seja convidado e se prepare para a transmissão ao aceso, conhecendo a temática e a constituição dos possíveis convidados. do contrário, corre-se o risco de proximamente ninguém assistir. No Facebook, há a decisão de programar a hora da live e compartilhar o link para contágio em sua página. Já na Instagram, existe um adesivo de contagem regressiva, que avisa os discípulos do horário da radiodifusão.

Converse com o seu publico

As pessoas que participam da sua live mais gostam de ser notadas. Por isso, interaja com o povo, respondendo as essenciais perguntas, conversando e mantendo uma área afetivo de engajamento. Lembre-se constantemente de agradecer os complexos os participantes em que ocasião finalizar a live e convidá-los para participar das próximas transmissões.

FONTE: https://g1.globo.com/

FONTE: https://www.r7.com/

FONTE: https://www.terra.com.br/noticias/